andredecourt's Foto von 06.04.05

Vemos o lado do Hotel Avenida virado para o Largo da Carioca.

Como podemos ver por esta foto, certamente de Malta, a guerra aos quiosques continuava, mesmo depois do término de mandato do prefeito Pereira Passos.

Alguns quiosqueiros, ou por medidas judiciais ou por problemas administrativos ainda permaneciam nas áreas recém urbanizadas, mas a administração Souza Aquiar continuava com a mesma ótica da anterior, remoção total de tão inadequados estabelecimentos.

Como em todas as fotos que vemos de quiosques há um flagrante mal estar entre os frequentadores e balconista em relação ao fotógrafo atrás das lentes.

As vezes penso se Malta dispunha de segurança policial para tirar tais fotos.

Comments (26)

meizinha 06.04.05 09:06 …

Ainda existe um quiosque desses, não é?
:)

angemon 06.04.05 09:06 …

…foto fantástica! minha mãe falava que essa Galeria era um must!! …e esses quiosques, que charme, não?

Bom dia, queridão!

umdiaumafoto 06.04.05 09:07 …

*************
Impressiona se imaginar lá,junto com o fotógrafo.

bemaia 06.04.05 09:10 …

Camelôs!!!! brincadeirinha…
Existe um ainda, ali perto da Candelária, e funcionando!
Beijos, Bê.

Waldenir 06.04.05 09:11 …

Existem poucas fotos da fachada do Hotel Avenida virada para o Largo da Carioca. Ele era igual `a outra,da Av. Central?

andredecourt 06.04.05 09:11 …

Marisa, acho que existe uma reprodução no Campo de Santana ou perto do CCBB, mas na época foram todos removidos e destruídos, pois atentavam contra a higiene vendendo alimentos estragados ou então só cachaça

meizinha 06.04.05 09:13 …

Ah ta. Mas mesmo sendo reprodução, vale como lembrança!

rossanah 06.04.05 09:14 …

que barato!

bom dia :)

andredecourt 06.04.05 09:16 …

Não Waldenir, era diferente, não possuia a torre nem a varanda no segundo andar, era um pouco mais simples

Lefla 06.04.05 09:41 …

Existe uma reprodução de Quiosque na Rua da Candelária, em frente à Associação Comercial. Tem umas fotos do Nelson, que eu não sei como ele não apanha… Mas, como ele anda sumido, pode ser que os religiosos de Jerusalém Fashion Week tenham pego ele de refém. SErá?

Lefla 06.04.05 10:28 …

Pior, viagem à Bahia, para pesquisa em campo… rs

Sem-terras eu tô fora, tenho horror, até porque tb não tenho nenhuminha terra, tirando as dos vasos lá de casa…

lucia 06.04.05 11:01 …

Rolando de rir com os comentários do Lefla!!!

Hoje vai ter um leilão de 130 fotos do JK, num sebo da cidade. Fotos de autoria do José Goes.
Preço inicial de cada uma R$0,50.
Interessa????

:) ))))))))

Lefla 06.04.05 11:11 …

Lucia, onde será o leilão???

Alvaro Gabriel 06.04.05 11:43 …

O fim dos quiosques fazia parte, como o André já disse, do saneamento da cidade. No final do século 19 a parte nobre do Rio era fétida, petilenta e fabricava epidemias torrencialmente. No entando, por mais incrível que pareça, os chamados formadores de opinião, como os positivistas e os militares, eram agressivamente contra as medidas de saneamento propostas por Oswaldo Cruz. E a chamada Revolta da Vacina não era um motivo isolado e único. As passeatas violentíssimas, como a de novembro de 1904, onde até tiros foram disparados contra a população, tinha também outras causas.
O fim desses quiosques imundos, estranhamente, também causava indignação da maioria do povo.
Vá lá entender-se uma coisa dessas ?!
Conta-se que em alguns deles o cheiro era tão nauseabundo que até os mendigos os evitavam.

A conclusão que eu tiro disso é que as boas causas nem sempre são necessariamente populares. O Isaac Deutcher, biógrafo do Trotsky diz que o “profeta” muitas vezes precisa dizer suas “verdades” armado.
Claro está que discordo inteiramente disso.
Mas, cá pra nós, que a resistência à boa saúde no início do século 20, principalmente por parte da elite, nos faz pensar, lá isso faz.

abelha_rainha 06.04.05 11:48 …

Esse flog aqui é um túnel do tempo MUITO, MUITO interessante…

tumminelli 06.04.05 13:10 …

Hoje a gente tb precisa de segurança pra fotografar… até dentro de casa!

:-) ))))))))))))))))))

flordeliz 06.04.05 13:38 …

Essa foto foi qdo? na década de 30?
como vc está? boa tarde!!!
beijos

Rafael Netto 06.04.05 15:11 …

Seria interessante uma foto no mesmo lugar hoje… no lugar dos quiosqueiros ilegais, os vendedores de “Jogos filmes e programas, CD-Rom, DVD…”.

lucia 06.04.05 15:45 …

Dãããn…
:) ))))

jban 06.04.05 18:33 …

Parece que aqui no Rio a polêmica fica sempre girando a volta destes quiosques, barracas, camelôs, Isopores no carrinho de mão e assemelhados. Boto no mesmo saco os botequins fétidos com chão sujo e calçada em frente degradada.

prfragoso 06.04.05 20:06 …

André e Marisa,
Conheço um que fica ali na Rua da Alfândega, perto da Rua 1º de Março; se não me engano, comercializam salgadinhos e refrescos… só não sei se, como antigamente, atentam contra a higiene.

rbpdesigner 06.04.05 20:23 …

guerra dos quiosques…
muito bom!
hehehehe
camelôs

Silvo Santo tava por aí?
[]s

Aline (ali_cordeiro@hotmail.com) 06.04.05 21:30 …

Olá !!! Estou faznedo uma pesquisa sobre a EXposição NAcional de 1908, q aconteceu na urca. Mais especificamente sobre o Pavilhao das máquinas, onde hoje é o Centro de letras e Artes da Uni Rio. Não estou conseguindo fotos o local da época, vc por acaso nao teria nada, ou u m link pra me indicar ?

Obrigada !

Ah, parabéns pelas belas fotos!!!!

aragorn_br 06.04.05 22:50 …

Sempre tem uma guerrinha contra alguma coisa, depende de quem está se sentindo prejudicado, hoje são os “camelôs” (é assim que se escreve?).
{:^)

placeboworld 06.04.05 23:58 …

Gostei muito das fotos..

And it all breaks down at the role reversal,
Got the muse in my head, she`s universal….

AndreM 09.12.05 18:19 …

Gostei muito da foto. Os arrendatários do Hotel Avenida (o dono era a Light) eram os tios de meu pai, tia Olivia e tio Cabral, que moravam no hotel mesmo. Temos aqui em casa algumas fotos do outro lado, na Av. Rio Branco.