andredecourts foton från 2005-06-29

Mais uma daquelas fotos, que podem ser consideradas reveladoras.

Nessa foto aparentemente vemos o processo de aterramento, e terraplanagem do aeroporto Santos Dumont, numa foto do ano de 1941, mas são as construções em volta que nos chamam a atenção, grande parte delas não mais existe.

Na extrema esquerda vemos um prédio remanescente da exposição de 1922, tendo sido o Pavilhão de Festas ou Diversões, aliás como vários na foto, onde funcionou a secretaria Municipal de Fazenda por vários anos, ele foi demolido depois de sofrer dois incêndios nos anos 80, hoje seu terreno é ocupado por um posto do DETRAN, indo para direita vemos o Museu Histórico Nacional,com sua fachada neo-colonial, e já extirpada do Calabouço, atrás dele vemos a cúpula e telhados do pavilhão dos Estados, depois sede do ministério da Agricultura e demolido no período Gueisel.

Logo após o museu, temos a grande estrutura do mercado Municipal fechando o horizonte, bem como podemos ver em razoável resolução ao seu lado uma das torres do antigo pavilhão da Caça e Pesca que nessa época já estava sem seu átrio central, as duas torres ficaram como dois prédios independentes, no fundo podemos ainda identificar a cúpula da estação das barcas, o prédio em destaque aparentemente é um prédio de duração efêmera e provisória, pois não fazia parte da expo e não existia em foto aérea posterior a citada exposição onde a área já estava abandonada, no extremo direito semi encoberto pela cauda do avião podemos vislumbrar uma nesga da fachada do prédio do terminal de Hidros, hoje sede do clube da Aeronáutica.

É impressionante que passados mais de 10 anos da expo de 1922 vários de seus prédios ainda existiam, notadamente o pavilhão de Caça e Pesca, durante muitos anos vários serviram como repartições públicas, muitos com seus adornos suntuosos retirados, como o próprio prédio da secretaria de Fazenda, que ao meu ver era uma das alas do pavilhão de Diversões.

Infelizmente ao contrário da Expo de 1908, onde o amigo Luiz Darcy me disponibilizou um mapa eu não tenho instrumento semelhante da de 1922, ficando difícil ter certeza absoluta da localização de alguns dos pavilhões.

Essa foto pertence ao acervo da Associação Brasileira dos Produtores de Cal, e certamente é o que há dentro das sacas espalhadas pelo chão, e me foi passada, salvo engano pelo amigo João Novello.

Comments (23)

jban 2005-06-29 09:34 …

Cal também é cultura !!! Realmente foi um achado esta foto.

jban 2005-06-29 09:42 …

Oi André,

É ABCP … Assoc Bras de Cimento Portland, ok ? É isso que deve estar nos sacos. :) )))

jban 2005-06-29 09:46 …

Acho que não foi no site… foi uma busca no Google Pictures, com Santos Dumont como argumento de busca.

bluemoon0510 2005-06-29 09:55 …

nossa, eu so aprendo coisa boa nesse site!
sou carioca mas estou tendo aula de Rio antigo!!

AG 2005-06-29 10:00 …

O que eu entendo de engenharia dá para anotar numa face de uma caixinha de fósforo. Mas fiquei intrigado com este “processo” de concretagem da pista (seria pista?) do Santos Dumont. Esses sacos de cal ou cimento perfilados geometricamente tem que finalidade ? Será que o conteúdo era desensacado e espalhado aí mesmo ?
Ou isso era só uma marcação ?
Com a palavra os engenheiros.

E lá ao fundo vemos também uns barris empilhados. Que seria aquilo; betume ?

Luiz D´ 2005-06-29 10:36 …

André, mais uma aula notável (como sempre)!
A mim me impressiona como puderam ter sido demolidos os pavilhões da Expo de 1908 e da Expo de 1922. É muita falta de espírito de preservação da história. Havia prédios belíssimos.
http://fotolog.terra.com.br/luizd

rick 2005-06-29 10:59 …

este predio que voce fala que pegou fogo
eh o palacio de festas?
voce tem dados ou fotos deste palacio posteriormente a exposicao 1922?

valeu

Sergio Luis dos Santos 2005-06-29 12:10 …

Beeem à direita da foto, a cauda de um Ju 52/3m provavelmente da Vasp.

Rafael Netto 2005-06-29 12:17 …

Segundo consta, apesar de belíssimos, os pavilhões das exposições eram pra ser temporários mesmo (isso eu aprendi aqui nos fotologs). Mais ou menos como a Torre Eiffel…

jason_1900 2005-06-29 12:23 …

Meu senso de localização está terrível… Estou maluco ou o leme do avião aparece onde hoje é a Avenida General Justo, no pé do viaduto, bem em frente ao Comar?

jban 2005-06-29 12:28 …

Lá no fundo o Terminal de Hidros da PANAM …

Toda vez que eu passo pela perimetral fico revoltado com a demolição do Mercado Municipal.

jro 2005-06-29 12:29 …

Putz!!!
O olho do Sérgio é terrível.
Se ele olhar em alta resolução ainda vai dizer o nome do pilôto e do co-pilôto…!!

:-) )))
:-) )))))

PS:
No thumb eu pensei que fosse um cemitério.

:-) )))))))))))))))))))))

rick 2005-06-29 13:02 …

fico revoltado quando passo na perimetral
pois a area da exposicao seria se conservada uma area de cultura e lazer muito melhor do que o mijodromo que hoje podemos ver la

Sergio Luis dos Santos 2005-06-29 13:08 …

Putz!!!
O olho do Sérgio é terrível.
Se ele olhar em alta resolução ainda vai dizer o nome do pilôto e do co-pilôto…!!

Baumgartner, Francesch ou Pereira são fortes candidatos…

andredecourt 2005-06-29 13:44 …

É isso aí Jason, não só a cauda do avião, como o prédio não identificado estão no traçado da Av. Gal Justo

guscar 2005-06-29 13:47 …

Essas exposições do centenário e a exposição que ocorreu em 1908 foram organizadas pela mesma empresa que organizou as Expo92 em Barcelona e a Expo98 em Portugal?
Da exposição de 1922 acredito até que não.

tumminelli 2005-06-29 16:12 …

Muito boa!!!

To rindo aqui com os comentarios do JRO e do Sergio.

:-) )

leo_pontual 2005-06-29 16:41 …

Muito muito bom mesmo, todo dia quando eu pego a barca pra Ilha eu fico observando os predios mais antigos daquele trecho, é bom saber que pelo emnso eles sobreviveram a tantas mudanças.
Abraços

eduardo bertoni 2005-06-30 03:43 …

Eu concordo com o Luiz. Os prédios demolidos eram lindos e, se não tinham valor histórico àquela época o teriam hoje. Assim como o Monroe, foi uma pena.
Bertoni
http://fotolog.terra.com.br/outromundo

henrii 2005-06-30 07:54 …

Esse serviço chama-se execução de¨solo cimento¨ e é usado como camadas inferiores, chamadas de bases ou sub-bases de pavimentos tanto para rodovias com para pátios de aeronaves (neste caso), consiste em misturar solos argilo arenosos com cimento promovendo o aumento da resistencia.

henrii 2005-06-30 08:05 …

Este processo pode ser feito manual como mostra a figura onde se dispõe os sacos pela área de uma forma calculada para se manter o teor(%) de cimento por metro cúbico de solo, logo após retira-se o saco deixando o cimento em pequenos montes, com grades agrícolas promove-se a mistura.Este processo pode ser feito em Usinas de solos,equipamentos industriais parecidos com as concreteiras tipo láfarge, etc.

Rafael Netto 2005-06-30 08:58 …

Acho que apenas parte do prédio não identificado está no traçado da avenida, porque hoje existe uma outra construção entre a avenida e a entrada do clube.
Talvez seja remanescente desse prédio desconhecido uma curiosa decoração da calçada da Gal. Justo em pastilhas, no formato do símbolo da Aeronáutica, logo depois da entrada do clube.

Leflaneur 2005-06-30 09:47 …

Não sei por que demora tanto e tem tanta onda para se construir um aeroporto. Sou um ignorante completo de engenharia e coisas afins, mas sempre me pareceu que um aeroporto é um pistão de concreto/asfalto, reto e com um terminal ao lado para embarque e desembarque. Além disso tem que ter um posto de combustíveis e outras pequenas facilidades, além de bombeiro.

Me conta aqui, isso é melhor ou pior do que construir um prédio, uma ponte, um viaduto???