andredecourt's Foto von 03.10.05

Julgamento do Tribunal de Segurança Nacional

O TSN era um tribunal de exceção criado em 1936 com a função principal julgar os participantes da Intentona Comunista, grande parte membros da ANL.

Segundo texto da FGV de Sentembro de 1936 a Dezembro de de 1937 1.420 pessoas foram sentenciadas pelo TSN.

Com o golpe de 1937 o TSN passou a ser um órgão permanente, desvinculado do Superior Tribunal Militar e passou a ter jurisdição autônoma, passando a julgar todos os que se opunham ao governo de Vargas.

Nessa foto do arquivo de família, infelizmente sem data, vemos um julgamento deste tribunal, no banco dos réus vemos membros do Partido Autonomista, da direita para a esquerda identifiquei 3, o segundo é o cônego Olímpio de Mello (de batina), ao seu lado meu bisavô Rocha Leão e o quinto da direita para esquerda de terno mais claro um surpreendente magro e abatido Pedro Ernesto. Ele só foi identificado por mim pelo cabelo e por seu nariz, o ex prefeito nessa foto se mostra muito magro, certamente resultado das infermidades contraídas em seu cárcere.

A nota interessante é que segundo me lembro de uma conversa que tive com a minha tia Clarice há muitos anos atrás, que o padre Oliímpio, como era chamado por ela, não era réu nesse processo e era prefeito interventor do Distrito Federal, mas fez questão de sentar no banco dos réus com seus colegas de partido, que nessa época já estava praticamente desmontado.

Possivelmente essa foto é do meio do ano de 1937.

Foto: arquivo da família

Comments (11)

 

Nossa! Impressionate! Justiça do medo!
Beijos, Bê.

Rafael Netto 03.10.05 09:53 …

Não sabia que a “ditadura” tinha começado antes do golpe de 1937.
Interessante o fato do Olímpio de Mello ser um padre e ao mesmo tempo político. Tem uma rua com o nome dele em Benfica.

luizdcy 03.10.05 09:55 …

Esta foto me lembra Filinto Strubing Muller – pelo menos cassaram seu nome daquela simpática pracinha ali na Lagoa.
http://fotolog.terra.com.br/luizd

jban 03.10.05 10:06 …

Detalhe para o Tinteiro e Mata-borrão na mesa !

lucia 03.10.05 10:13 …

Buenas!

:)

AG 03.10.05 12:06 …

Tribunal de Segurança Nacional.
Esse é o sonho do Zé Dirceu.
Caso houvesse um hoje, não teríamos essa “palhaçada” de CPI para julgar se o PT tinha ou não direito de pasar a mão na grana dos fundos de pensão via Marcos Valério.
Essa “elitezinha” não teria o direiro de cassar o Severino; pelo contrário, como presidente da câmara e preposto do Lulla, ele é que mandaria o “safado, homossexual e maconheiro” do Gabeira mofar num porão da Rua da relação.

Vê, Karinas da vida, como com um Tribunal de Segurança Nacional, tipo russo/bolchevique as coisas seriam muito mais fáceis ?
Não haveria a necessidade de se gastar um bilhão de reais para comprar a eleição do vosso comunista; o Elio Gasperi estaria em cana, a Heloisa Helena comendo calanguinho, e o Babá, com o cabelinho raspado a zero, para deixar de ser abusado e tratar o Zé Dirceu com tão pouco respeito.

E quer saber ? O dono desse tribunal aí, o Dr. Getúlio foi ditador e depois se elegeu democraticamente em 1950 graças ao “título de pai do povo”. Ele também defendia as classe trabalhadoras, os descamisados, os sem terra, os perseguidos.
Mesmo com suas ações “caudilhescas” e ditatoriais (não morreu pouca gente não) o velho caudilhote de um metro e meio, mereceu do nosso alcaide um busto horrendo e ofensivo à nossa dignidade numa das principais praças dessa cidade.

jban 03.10.05 12:13 …

A solução para o busto é fazer como a estátua do Saddam. Amarra um cabo de aço em um caminhão e arranca aquela m.. dali.

eduardo bertoni 03.10.05 16:41 …

André,

Viu só no que deu o teu desabafo lá no Tutu?
O pau está quebrando até agora. Divertidíssimo!
Abraços,
Bertoni

lucia 03.10.05 18:08 …

Em que TuTu que está quebrando o pau?????
Quero me divertir também!!!
Já fui nos 2 e não achei nada…
:(

:P

lucia 03.10.05 18:52 …

Quem é aquele louco furioso????

:O

leflaneur 04.10.05 08:51 …

Eu tb acho que tem que arrancar com um cabo de aço a figura do Getúlio e ficar dando chinelada nele (no Iraque a suprema humilhação é tomar uma chinelada – eu tenho um amigo que quando vê uma senhora de boas formas passando sempre diz que vai dar uma chinelada nela)