foto de andredecourt em 21/02/06

Dos anos 50 vamos diretamente para os anos 20.

Nessa foto do arquivo de família vemos que se fantasiar era obrigatório para as crianças que saiam para brincar na rua vestidos dos mais diversos personagens, cigana, chinês, cowboy, espanhola etc….

Na foto vemos minha avó Enid e minha tia-avó Maria junto aos amiguinhos da vizinhança empoleirados nos para-lamas e banco de sogra de um Ford modelo A de algum conhecido, que também está no clima carnavalesco, pois usa um chapéu de “turco”.

A foto é de 1928, sendo o carro praticamente zero quilômetro e também modelo novo, pois fora lançado neste mesmo ano, o local da foto é a Av Beira Mar, mas o trecho sem dúvida não é o Russel.

Foto: arquivo de família

Adendo ao texto. Depois de checar uma fotografia aérea dessa região, de 1921 comprovei que essa foto foi tirada defronte ao prédio da finada Manchete, em pleno Russel, o imóvel com grade portão ficava onde hoje está o prédio da Revista, e a construção que vemos parcialmente no meio da vegetação era o castelinho da família Pareto !

Comments (21)

gabila disse em 21/02/06 06:52 …

Tesouro de família!!!

jban disse em 21/02/06 06:52 …

Que pândega !!

Fiquei curioso em relação ao local da foto…

cole_turner disse em 21/02/06 06:58 …

Arquivo nada!
Isso é uma pérola de família.
Parabéns pela foto.
São muito poucos os que sabem dar valor.

luiz_d disse em 21/02/06 07:11 …

Não havia criança que não se fantasiasse.

Meu programa favorito era ir de bonde, de Copacabana ao Tabuleiro da Baiana, para ver o carnaval do Centro.

http://fotolog.terra.com.br/luizd

meizinha disse em 21/02/06 07:20 …

Excelente!!!
:)

edubt disse em 21/02/06 08:54 …

Show!!! Mas ficaria melhor mexida no fotoxopi! :-P

Como tu sabes que ai é Av Beira Mar?

:-) )

photomechanica disse em 21/02/06 09:26 …

Legal esta foto, André.
Mesmo com todo seu preciosismo ao manter a imagem original, com este ar de hepatite generalizado, a foto é ótima.

Lançamento do modelo A!
:-) ))

andredecourt disse em 21/02/06 09:45 …

Pelo urbanismo Roberto, ainda arrisco dizer que é pelos lados da Augusto Severo, mas não tenho certeza, a vida do meu bisavô & cia nesse época ainda girava por Catete, Flamengo, Botafogo e Centro, só no ano seguinte que ele iria para Copacabana onde viveria até morrer

AG disse em 21/02/06 11:55 …

O mais engraçado seria se o senhor da foto não estivesse fantasiado coisíssima nenhuma.
Na verdade seria Nagib El Harum Rachid, consul plenipotenciário do Império Otomano no Brasil.
Acontece que o bisavô do André, achando que o dono do carro estava fantasiado para incluir-se no corso da Avenida, chamou a garotada para tirar uma foto ao lado de um folião tão animado, porque até fantasia ele tinha.
O Nagib, sem entender nada, deixou rolar a pândega por um único motivo. Ele estava no Brasil há apenas seis meses e não sabia falar uma palavra em português.

Milu disse em 21/02/06 12:09 …

Belo registro. As crianças estavam sempre muito bem fantasiadas.
http://fotolog.terra.com.br/cartepostale

edubt disse em 21/02/06 14:43 …

Andre, vc vai me desculpar mas é muitississimo dificil dizer com certeza absoluta por essa foto que ai é Av Beira Mar.

AG disse em 21/02/06 14:54 …

Nota: quando aqui se falou no Império Otomano queríamos dizer Otomano na Tarraqueta;
exatamente em 1927, para a Turquia.

patricio disse em 21/02/06 16:14 …

Fotografia adorável! É provavel que alguma dessas crianças ainda circule por esta vida.
Apenas como curiosidade: tenho quase a certeza que a moça do post triplo de ontem era a vedete Angelita Martinez (não era uma foliã anónima não).

jornalistabr disse em 21/02/06 16:31 …

O Abre alas que eu quero passar, O Abre alas que eu quero passar, Sou da Lira não posso negar, Rosa de Ouro é quem vai ganhar….

Não sei pq eu lembrei desta musica quando a foto abriu!!!!!!

Abração

jban disse em 21/02/06 16:55 …

Império Otomano na Tarraqueta ?? AG, essa foi ótima !

prfragoso disse em 21/02/06 17:20 …

André,
Acho que você tem razão, quanto à localização da foto.
Se a foto aérea a que você se refere no “adendo”, datada de 1921, for a mesma publicada no livro Imagens da Aviação Naval (1916-1923), que eu tenho, tem 100 por cento de chance de acerto.
Aliás, são duas fotos aéreas publicadas no referido livro que mostram o prédio com um portão grande, de formato arredondado e, ao lado, um portão bem menor, retangular (justamente o que aparece na foto acima); e o famoso Castelinho. E mais dois detalhes que vemos nesta sua foto e que aparecem bem nítidos nas fotos aéreas: a amurada do Castelinho, e as árvores em frente ao portão.
Leve fé, Roberto, o André está correto.

Paulo Fragoso.

PS: Pegando carona, resolvi postar umas fotos da década de 70, em p e b, do Micareme em Conceição do Coité. Veja:

http://www.fotolog.com/prfragoso

rioantigo disse em 21/02/06 17:22 …

As crianças eram mais crianças…

jban disse em 21/02/06 17:54 …

Fui no livro e o local confere !!

Bingo !

analucia disse em 21/02/06 20:03 …

Muito bom esse post, um resgate de costumes de época e da memória familiar!

Excelente,também, o flagrante mostrado na seqüência de fotos anteriores!

beijos

fotografo disse em 22/02/06 07:43 …

O seu Luiz Pareto, que morou no Castelinho esta vivo e é avo de um grande amigo. Ele pode dizer pela posição aonde é a foto.