foto de andredecourt en 28/06/06

O convento da Ajuda se originava de uma das mais antigas ermidas da cidade, tendo sido erguida nos primeiros anos da cidade no desembocar da ladeira do Poço do Porteiro, depois Ladeira do Seminário. A ermida original se localizada aproximadamente onde hoje é a Câmara dos Vereadores, a primeira ermida desabou, e em 1600 uma nova foi construída tendo sobrevivido até o séc. XVIII, quando foi demolida.
A capela gozava de prestígio e o caminho que os fiéis usavam para nela chegar formou uma das ruas mais importantes da velha cidade colonial.

Mas a procura da capela por cristãos-novos, que certamente ainda mantinham fortes laços com o judaísmo, gerou o boato que em vez de cultuar Jesus os judeus cultuavam Maria de Judá, a velha capela foi abandonada pelos cristãos-velhos e com medo da Inquisição os crsitãos-novos também, entrando a velha ermida numa fase de abandono e má reputação.

Segundo Vivaldo Coaracy a inquisição realmente agiu no templo, tendo alguns irmãos membros da irmandade, sido acusados de judaísmo praticante e enviados para Lisboa.
Em 1678 a cidade ansiava já há anos para ter um convento feminino, até que a viúva Ana Cecília Barbalho, anunciou à cidade o desejo de se recolher à oração, juntamente com mais 5 mulheres, 3 de suas filhas e mais duas meninas pobres, doando todos os bens a instituição monástica.

Os franciscanos mandaram construir uma casa, anexa a ermida da Ajuda para o fim de monastério, servindo a capela para templo deste.

A euforia popular foi grande, mas só em 1705 foi autorizada a construção do convento que seguiu os traços do Brigadeiro Alpoin, sendo só concluído em 1748 por divergências eclesiásticas dentro da Sé da velha Capitania. Com a construção do novo convento mandou o prelado demolir a velha capela, substituída pela igreja que havia dentro do convento.

Na foto de hoje vemos o enorme pátio central do convento a época de sua demolição, no meio da vegetação podemos ver o topo do chafariz das Saracuras, retirado do convento quando da sua demolição e levado para a praça Ferreira Vianna em Ipanema no ano. de 1912.

Pela proporção do chafariz em relação ao resto do pátio e como podemos vê-lo hoje na praça Gal Osório, temos uma bela idéia do real tamanho do velho convento.

Continua…..

Foto de Malta em 26/10/1911

Comments (29)

natureco 28/06/06 8:56 …

Tanta história perdida. Uma pena mesmo. E para piorar, agora o roubo das fotos do Arquivo!!!
Abçs.
Luiz.

lucia 28/06/06 9:10 …

Buenas!!

:) )

:P

Leflaneur 28/06/06 9:27 …

Não entendi este pátio. O que tem lá hoje? Tem um pátio atrás do convento, que se vê dos prédios. Com árvores, bananeiras. Seria esse, ou parte desse?

andredecourt 28/06/06 9:32 …

O que tem hoje, ora Lefla, tem a Cinelândia

Jorge Silva 28/06/06 10:16 …

Simplesmente sensacional,a foto e os comentários,eu ainda não tinha visto nenhuma foto do pátio interno do Seminário, legal,valeu André!

jban 28/06/06 10:21 …

Era uma construção imponente.

Jorge Silva 28/06/06 10:21 …

Andre, e a resposta da pegadinha anterior? ainda estás de bode?

andredecourt 28/06/06 10:31 …

Jorge, a resposta já está lá desde ontem a tarde, coloquei junto a foto para ficar mais fácil

jban 28/06/06 10:32 …

Jorge, A resposta está no próprio texto do post. Vai lá e verifique.

Sobre a polêmica “Evelyn”….

Talvez a Evelyn tenha se ofendido com as brincadeiras ácidas dos fotologs da vida. Faço o “mea culpa”. A turma costuma bater um pouco em quem chega, para sentir a reação, mas sempre em tom de brincadeira. Se entendeu de outra forma, não foi essa a intenção. Se ela sumiu, desistiu muito rápido. O Renato, outro recém chegado, tomou uns sopapos e permanece impávido colosso. Bar é assim mesmo….

Jorge Silva 28/06/06 10:40 …

Ok!achei. Eu quase acertei. Grato pela dica, agora já sei que as respostas estão no próprio texto.Um abraços a todos.

andredecourt 28/06/06 10:44 …

Valeu Jorge

edubt 28/06/06 10:47 …

O chafariz está nojento na Praça Gal Osorio. O liquido que tem em volta dele é tão asqueroso que duvido que alguma barata tome um banho por lá.

:-)

Rafael Netto 28/06/06 11:50 …

Acho que o Lefla confundiu esse convento com o de Santo Antônio. Ou com o “novo” Convento da Ajuda, em breve no meu fotolog.

Hoje não tem jogo da Copa! Estou até estranhando…

http://fotolog.terra.com.br/rafael_netto

Leflaneur 28/06/06 12:25 …

Confundi com o Convento de Santo Antonio, está explicado. Obrigado Rafael, são coisas do futebol!

Marcelo Almirante 28/06/06 12:45 …

Estas construções são as fundações do poderio das elites européias, no controle e na escravização espiritual dos povos da américa.

Engraçado que o próprio povo se ajoelha diante seus algozes, na forma de batismos e falsas educações religiosas.

Derani 28/06/06 13:40 …

Realmente impensável nos dias de hoje tal construção “pesadona” colonial em plena Cinelândia. A senhôra que doou tal quantia à Igreja devia ter um vedadeiro pavor de ir para o inferno… não tem outra explicação!

http://fotolog.terra.com.br/nder

toty maya 28/06/06 15:04 …

No convento foi enterrada D Leopoldina a primeira imperatriz do Brasil.

Jorge Silva 28/06/06 15:55 …

Onde será que foram parar os restos mortais da Imperatriz?

Waldenir 28/06/06 16:22 …

Boa tarde,André,pessoal.
Boa foto,mas a impressão que se tem é de que o chafariz é menor lá em Ipanema,não sei porque.
Jorge,imagino que os restos mortais em questão estejam na cripta da igreja da praça XV ( a da esquerda de quem olha de frente). Lá estão vários personagens da família imperial.

toty maya 28/06/06 16:29 …

Estaõ sepultados em Sao Paulo junto com os de D Pedro I no Monumento do Ipiranga Vieram de Portugal em 1972,durante as comemoraçôes dos 150 anos de independência .

Lefla 28/06/06 16:59 …

A família imperial tem personagens enterrados no Convento de Santo Antonio. A Imperatriz Leopoldina está sepultada no Monumento do Ipiranga, em SP. Quando o Convento foi demolido, seus restos foram levados para o Convento de Santo Antonio. Em 72 foram para o Monumento do Ipiranga junto com os de D. Pedro I.

andredecourt 28/06/06 18:00 …

Isso, amanhã se der, talvez terei que ir para Smpa de manhão, farei um post mostrando mais detalhes do Convento da Ajuda e contando um pouco mais da sua história

levine1983 28/06/06 18:11 …

fantástico, semrpe quis saber a história do convento da ajuda :)

Jorge Silva 28/06/06 18:11 …

Valeu André,acho esta parte da cidade históricamente muito interessante.Boa viagem e muito sucesso!!

FlavioM 28/06/06 18:46 …

Mais 1 pouco que aprendo. 2 poucos, com a história das viagens póstumas de D. Leopoldina (grande e importantíssima figura).

A viúva doou tudo em 1648 e o convento só ficou pronto 70 anos depois! A essa altura, a viúva devia estar bem velhinha. Ela devia, aliás, ser adorada pelas 3 filhas, hein?

http://www.flaviorio.globolog.com.br

toty maya 28/06/06 19:14 …

Fiquei em dúvida e achei melhor pesquisar.
Os restos da imperatriz Leopoldina foram do convento de Santo Antonio para o monumento do Ipiranga nas festividades do IV centenário de São Paulo em 1954 e os de D PedroI vieram de Portugal em 1972 nas festividades dos 150 anos da independência.

Luís Felipe Pires 28/06/06 19:21 …

Esse convento é impressionante e misterioso ! E imaginar que em seu lugar surgiria a fervilhante Cinelãndia !
E ainda tem a história de passagens secretas subterrãneas que ligavam o Convento , com um outro seminário, São José, masculino, , que ficava do outro lado da rua da Ajuda !!

photomechanica 28/06/06 19:51 …

PARABÉNS atrasado!!!!!!!!!!!!!!!!!!
:-) )))))))))))
:-) )))))))))))))))
:-) ))))))))))))))))))))

Lefla 29/06/06 7:55 …

Toty Maia, vc está parcialmente certo.

A primeira Imperatriz do Brasil, morta em 1826, saiu do Convento da Ajuda, quando este foi demolido, em 1911. Foram dali para o Convento de Santo Antonio, onde há inclusive um Mausoléu, um Monumento. Os restos foram em 1954 para o Museu do Ipiranga, em São Paulo (creio que foi inaugurada a cripta). Dom Pedro somente em 1972.