Nossa foto de hoje poderia participar de uma pegadinha, não pelo cenário urbano alterado, muito pelo contrário, quase todas as construções que aparecem estão de pé até hoje, mas sim pelo ângulo pouco usual que o fotógrafo  utilizou.

Na realidade ele se encontrava no cotovelo da Rua Stefan Zweig e fotografa parte do vale de descida do Carioca, em primeiro plano o bairro recém criado com o fim da Fábrica Aliança e do outro as encostas da Rua Cardoso Júnior.

A rua logo abaixo é a Teixeira Mendes, e mais abaixo vemos o largo de encontro das Ruas Gal. Glicério, Belisário Távora e Estelita Lins. Vemos também a Praça Jardim Laranjeiras e a bifurcação da Rua Cristóvão Barcelos, mais ao fundo as novas construções subindo da Rua Luis Catanhede.

Surpreende as grandes cicatrizes causadas pela exploração de granito no topo do Morro da Nova Cintra, à época ainda muito evidentes, que hoje resultam no grande talude por onde passa a Rua Cardoso Júnior em seu prolongamento rumo a Rua Novo Mundo, a parte superior nos dias de hoje já começa a ser envolvida pela vegetação.

A construção no cul-de-sac da Rua Teixeira Mendes é bem curiosa, inclusive pelo telhado “verde”, tudo indica ser uma das antigas caixas d’água da City.

Sem dúvida uma foto muito interessante.