Em Outubro de 2006 postamos uma foto da grande Rotunda de São Diogo, na Cidade Nova. Há época tanto o site como nossos comentaristas tinham poucas informações a respeito desse desaparecido equipamento ferroviário, principalmente numa zona que sofreu grandes transformações. Mas semana passada o Carlos Bulhões inseriu no post de 2006 um link do ótimo site Estações Ferroviárias do Brasil (  http://www.estacoesferroviarias.com.br ), já utilizado por nós várias vezes como fonte de informações, principalmente sobre o Ramal do Rio do Ouro para apontar atualizações que esclareciam muito o porque de tão pouco conhecimento do grande equipamento.

Segundo o site não há informações claras de quando ela foi construída, mas já há imagens dela em 1880, junto ao seu prédio de apoio, que era muito parecido com a estação Central, mas por algum motivo operacional ela foi demolida em 1928, e seu prédio de apoio foi ao chão em 1950, certamente já na politica de terra arrasada da Cidade Nova. Acredito que o motivo de sua demolição foi a melhoria das instalações das Oficinas, no Engenho de Dentro, onde hoje temos o estádio do Engenhão.

Portanto além de agradecermos ao Carlos posto algumas das imagens da demolição da rotunda.

Podemos ver claramente que ela foi demolida com o sistema em operação, inclusive o girador sendo usado como pátio de manobras, a quantidade de máquinas mostra como era impostante o transporte ferroviário no início do séc. XX, transporte este que foi criminosamente abandonado a partir dos anos 50 daquele século e que hoje vem causando enormes prejuízos ao Brasil como um grande gargalo de infra-estrutura não só de cargas, mas de passageiros, inclusive dentro das grandes cidades e regiões conurbardas.