Nosso post de hoje é uma homenagem ao atual Carnaval, que emporcalha e sitia a cidade, feito para favorecer uma mega empresa de bebidas e frequentado por gente que não gosta de carnaval. Se espalhar por aí que na Antártida se você abraçar pinguim vai pegar gente, ficar doidão e poder tocar um zaralho vai todo mundo para lá!!

 

Bons tempos que esse tipo de baixaria se dava atrás de espaços fechados, deixando o resto da cidade respirar.