andredecourts foton från 2006-09-19

Hotel Avenida, Galeria Cruzeiro e Liceu em seus últimos dias.

Nessa foto do final dos anos 50 vemos o fim de prédios míticos da construção da Avenida Central.

Em poucos dias de tirada essa foto o Hotel Avenida começaria ir ao chão, o que já está acontecendo com o prédio do Liceu, onde toda a parte da construção virada para a Av. Rio Branco já foi demolida, pondo fim a história do Cinema Central que funcionava nessa parte do prédio, curiosamente vemos que no meio da construção eclética, muito do prédio antigo do Liceu, de antes de Passos ainda existia, podemos fazer nossas comparações com esses post’s :  http://www.rioquepassou.com.br/2006/03/16/ e http://www.rioquepassou.com.br/2006/03/18/

A foto também nos mostra o trecho da Rua de São José que não existe mais, desaparecido com o realinhamento do local nos anos 60, bem como os jardins do Largo da Carioca construídos no lugar do árido estacionamento surgido nos anos 40.

Esse jardim foi construído em menos de 3 dias, sendo usadas árvores já adultas, plantas agressivas e espinhentas e placas de grama já bem desenvolvidas. Tudo para tentar resistir ao vandalismo que a cidade já nos anos 50 praticava contra árvores e plantas. Sendo usadas várias máquinas de engenharia, nunca usadas antes no Brasil para o plantio de um jardim, como guindastes para plantar as árvores, rolos compressores de asfalto para afixar o gramado e escavadeiras para revolver o terreno profundamente tirando as primeiras camadas de solo, contaminadas por anos de urbanização

Um dos responsáveis foi um colega do meu pai o arquiteto Mauro Viegas, na época diretor do DPJ, sobre esse jardim já fiz comentários anteriores nos flogs sobre o Rio antigo e hoje na coluna “Há 50 anos”do Jornal O Globo, e mencionada a sua inauguração.

Esse urbanismo desapareceu de vez com as obras do Metrô no largo.

Na foto podemos ainda ver uma nesga do Tabuleiro da Baiana bem como o Morro de Santo Antônio e a construção que serviu de quartel para a Polícia Especial de Getúlio.

Comments (14)

erms_sp 2006-09-19 09:22 …

Olá!

O Rio de Janeiro ainda é um luagar fantástico.

Muito boas as fotos.

Rafael Netto 2006-09-19 09:23 …

Então o prédio do Liceu e o Hotel Avenida vieram abaixo juntos? Mas acho que o prédio da CEF é um pouco mais recente que o Avenida Central.

Ainda tenho curiosidade em saber como e quando foi construído o De Paoli e o trecho final da Nilo Peçanha.

http://fotolog.terra.com.br/rafael_netto

adolfo_marcelo 2006-09-19 09:37 …

siempre pasa eso al igual que aqui en chile

se derrumbas bellezas antiguas

para colocar edificios modernos

que no sabemos si aportaran a la ciudad

sd2
ADF

jban 2006-09-19 09:55 …

Essa nesga do Tabuleiro da Baiana vendia cocadas ?

Derani 2006-09-19 10:03 …

Esse JBAN… não deixa escapar uma.. hahahaha!
Interessante a foto.. sempre pensei que o famoso Bar Brahma ficasse dentro da Galeria Cruzeiro e agora vejo que ficava com a entrada para a Av. Central!
Ótima foto e para mim inédita…

edubt 2006-09-19 11:10 …

Gostei da foto! Hoje na coluina “Há 50 Anos” do Globo, é mencionada a obra do jardim do Largo da Carioca. Foram achadas nas escavações lajes do Teatro Lyrico.

Post duplo no RECLAMES:

http://ubbibr.fotolog.com/edubt/?pid=12859026

:-) ))

Marcelo Almirante 2006-09-19 14:45 …

Ainda mais chocante é ver aqueles dois prédios modernosos na Almirante Barroso, esquina com 13 de Maio.

Nota-se que a av. Chile também não estava aberta.

jban 2006-09-19 14:55 …

Aí Rafa !!! Explica pra moça !!!

Vinicius 2006-09-19 19:41 …

Adoro essas fotos dos prédios cariocas em seus últimos momentos, cercados do “modernismo” que o destruíram. E tão interessante ver a opulência que ainda restava, antes dos mesmos virem abaixo. André, você deveria postar mais fotos como essa. São tão diferentes.

Vinicius 2006-09-19 19:46 …

Cometi um erro: que o destruíram = que os destruiu. :)