andredecourt's foto van 17-9-07

Uma ligação do Centro até o Largo de Estácio, partindo-se da região do Morro de Santo Antônio não é nova e era planejada desde a primeiro traçado imaginado da Av. Independência ainda no Governo Carlos Sampaio.

Essa via também foi objeto do Pano Agache poucos anos depois, e do Plano 1000 nos anos 40, quando se consolidou o arrasamento do Morro de Santo antônio e a decisão da construção de vias expressas em nossa cidade, como o Túnel Rebouças, as pistas do Aterro, e as natimortas Avenidas Humaitá-Gloria e Norte-Sul.

No plano 1000 decidiu-se fazer essa avenida usando a Av. Chile, que partia do eixo da Av. Alm. Barroso em pleno Centro da Cidade e apontava para um possível túnel submerso com ligação à Niterói, ou ponte Pêncil, imaginados também nessa época.

Para isso era necessário perfurar um túnel no final da Av. Henrique Valadares, no seu encontro com a Rua do Riachuelo. Unificando-se então os PA’s das Av. Chile, Henrique Valadares e da Rua da Relação. Essa unificação foi tão intensa que nos anos 60 as antigas vias não mais existiam nos mapas tendo sido absorvidas pela Av. Chile, e sendo os novos prédios construídos no novo PA, bem recuado e com galerias agachianas.

Mas a ligação só seria possível com a construção do túnel, que até o início dos anos 70 não havia sido iniciada. Só sendo no último governo da Guanabara, que teve como governador Chagas Freitas.

O Túnel da Frei Caneca, hoje conhecido como Túnel Martim de Sá tem um particularidade, ele foi construído sob a terra, e não perfurando-se rocha como são 99% dos túneis do Rio, isso porque aquela ponta do Morro do Catumbi é feita de Argila e sedimentos, numa constituição geológica muito parecida com os demolidos Morros do Castelo e Santo Antônio.

Até a construção dos túneis da Linha Amarela nos anos 90, o túnel da Frei Caneca foi o que foi construído por último em nossa cidade, apontando o abandono do investimento público na infra-estrutura de nossa cidade no negro período dos anos 80.

Na foto vemos o governador Chagas Freitas inspecionando as obras do túnel sentado no jipe que vai em primeiro plano.

Comments (9)

phnovo 17-9-07 10:30 …

parece a obra do metrô

derani 17-9-07 10:47 …

O Rio, sem dúvida, merecia mais obras de infra-estrutura, principalmente em transporte público que não seja ônibus.

euamoaey 17-9-07 11:06 …

Confesso: achava que esse túnel datava da década 30. Fiquei surpreso!

Um grande abraço a todos!

luiz_o 17-9-07 12:48 …

E o Chagas deve ter saltado do jipe logo ali n’O Dia.

rodrigonetto 17-9-07 19:31 …

Cansei de ficar calado. Vou passar a usar o login do meu irmão!

Quando foi a construção do túnel? 1974?
Tenho quase certeza que o Noel Rosa é mais recente, porque no Guia Rex, notoriamente desatualizado no início dos anos 80, esse túnel já aparecia, mas não o Noel Rosa (bem como a Perimetral e os elevados de São Cristóvão).

http://fotolog.terra.com.br/rafael_Netto

tumminelli 17-9-07 22:39 …

Ah, eu gostei do Jeep. A última vez que passeio por este túnel me impressionou o abandono. Aliás, não sei pq ainda me impressiono com o descuido dessa cidade.

apinnola 18-9-07 1:14 …

Melhor seria… SORRY, VOCÊ ESTÁ NA BARRA!
HUhauahuahauhauahuahauahu!!

andredecourt 18-9-07 7:48 …

Rafa, os dois foram inaugurados mais ou menos na mesma época, 77/78….

jban 18-9-07 22:43 …

Tunel inútil….